segunda-feira, 26 de fevereiro de 2007

Coalas sapas espertas


Em cativeiro, coalas fêmeas rejeitam os machos, segundo pesquisadores australianos. Elas preferem ter relações sexuais com outras fêmeas, chegando a ter orgias com até cinco parceiras diferentes. Em um verdadeiro “Big Brother” animal, os cientistas colocaram câmeras digitais nas jaulas para monitorar os hábitos sexuais dos animais. Para cada relação heterossexual, eles verificaram três relações homossexuais -- todas entre fêmeas. Em média, os encontros entre elas costumavam durar o dobro do tempo do que os encontros heterossexuais. Segundo os pesquisadores, algumas fêmeas rejeitavam os avanços masculinos e, logo em seguida, partiam para encontros sexuais com outras fêmeas.

3 comentários:

Silvia disse...

AMEI essa história das coalas. Aposto que se não tivesse tanta pressão contra com as fêmeas humanas ia ser desse jeitinho também ;)

Claudia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Claudia disse...

Eu vi recentemente um documentario na GNT intitulado "A verdade sobre animais gays" ou algo parecido. Muita coisa era de mau gosto, mas uma reportagem sobre macaquinhas gays foi engracada e lembrava essas coalas. As macacas acariciavam a genitália umas das outras e visivelmente gostavam muito... Mas os criadores diziam que nao era sexo, eram so caricias e que, nao, elas nao eram homossexuais. Detalhe: havia machos no mesmo habitat, elas simplesmente preferiam as "caricias" entre iguais!
Luiz, prazer, sou amiga da Sil e vi seu blog nos links dela.